Depois de uma experiência no coração do Bairro Alto, o forno muda de lugar para ali perto. A qualidade, essa, mantém-se.

Foi há dois anos que a NiT deu conta do forno da nova pizzaria de Lisboa chegara de Nápoles e atingia temperaturas aos 500º. O detalhe não era acaso. Este era só um dos pormenores que fazia da M’Arrecreo detentora do certificado da Associazione Verace Pizza Napoletana, uma espécie de estrela Michelin do mundo das pizzas.

Depois de uma primeira fase na Travessa dos Inglesinhos, em pleno Bairro Alto, a M’Arrecreo mudou de casa mas não para muito longe. Está agora no número 35 da Rua de São Pedro de Alcântar, perto do Palácio Ludovice.

Este regresso surge em tempos de pandemia, como bem sabemos, e o novo espaço M’Arrecreo tem capacidade para 38 pessoas e reabriu este mesmo tendo em conta todas as medidas de segurança e higiene exigidas pela Direção-Geral da Saúde.

O momento foi também uma “oportunidade para começar de novo”, como realçou Pedro Azevedo, responsável do projeto e que no passado foi gerente do Jardim dos Sentidos. Apaixonado por Itália desde os tempos em que passou por Florença, em Erasmus, a M’Arrecreo regressa mantendo os pergaminhos napolitanos que a distinguem.

Tal como o forno, o menu mantém-se fiel ao anterior. As bruschetas de tomate, orégãos e azeite (2,50€) ou beringela com tomate e parmesão (3€), e os croquetes de batata com pecorino e mozzarella (2€) ou salame e pimenta preta (2,50€) estão entre as sugestões para dar início à refeição.

Clássicos como o antipasti Cuoppo Napoletano (5€) continuam, tal como a Pizza Gennaro (14€) com creme de trufa, provola affumicata e pancetta ou a pizza M’Arrecreo (14€), que partilha o nome com o espaço e que conta com tomate San Marzano DOP, mozzarella di bufala, ventricina picante e cebola roxa.

Nas sobremesas continua a obrigatória panna cotta (3,5€), o tiramisu (4,5€) ou a mais ambiciosa torta de chocolate com gelado de morangos e menta (5,5€), entre outras opções para os diferentes paladares.

A pizzaria está aberta todos os dias (excepto às terças-feiras) para almoços entre as 12h30 e as 15 horas, e para jantares entre as 19 e as 23 horas.

Ler todo o artigo

Artigos relativos

Há mais um restaurante em Lisboa a ganhar «a estrela Michelin da piza napolitana